Oportunidade é para quem já está cursando Administração ou cursos da área de Tecnologia da Informação

Mesmo com a pandemia do novo coronavírus, o Somos CIEE mantém seu propósito de criar oportunidades para que mais jovens brasileiros tenham acesso ao ensino superior. Por meio de parceria com o Ministério Público do Trabalho de São Paulo, um edital foi aberto para que sejam oferecidas dez bolsas de assistência a estudantes universitários com deficiência.

Para participar, é preciso possuir renda de até 1,5 salário mínimo, ser morador da Região Metropolitana de São Paulo, e estar matriculado em um curso superior de Administração ou na área de Tecnologia da Informação. Caso o número de candidatos seja superior à quantidade bolsas ofertadas, o edital prevê critérios que priorizam a seleção de estudantes negros, indígenas e também pessoas trans.

Para se inscrever, acesse o formulário e preencha as informações até 27 de junho.

O que é o Somos CIEE?

O Somos CIEE é um programa que financia, por meio de doações voluntárias, bolsas de estudo para jovens em situação de vulnerabilidade que buscam entrar no ensino superior. As ações são voltadas para o público em situação de vulnerabilidade e grupos sub-representados, como negros, indígenas e transgêneros.

Para cumprir sua missão, o Somos conta com o apoio do CIEE, uma entidade de assistência social, de caráter filantrópico, sem fins lucrativos e sem qualquer vinculação com o governo, e que é mantida por contribuições de empresas e órgãos públicos parceiros nos programas ofertados. Nada é cobrado dos jovens e adolescentes beneficiados.